Música do Blog

Papadocks - A Bata...
Sábado, 27 de Janeiro de 2007

Bio de Lita

Ficha técnica:


Nome –
Amy Christine Dumas
Alcunha (s) –
Altura – 1,70 metros
Peso – 69 kilos
Data/Local de nascimento – 14 de Abril de 1975, em Fort Lauderdale, Florida
Reside em – Atlanta, Georgia
Treinada por – Dory Funk Jr., Ricky Santana, Ace Steel e Kevin Quinn
Estreia – Em 1999
Retiro – Em 26 de Novembro de 2006

 

Princípio de carreira

 Dumas frequentou várias escolas diferentes durante os seus anos de infância e adolescência, e conseguiu acabar a escola seis meses antes da sua graduação. Ela também tinha sido sempre uma excelente nadadora, e, como uma “adulta principiante”, praticou Judo. Dumas também tocou baixo numa banda chamada 2 Card Trick e foi para outra banda, os 7 Seconds, por cinco anos antes de se tornar numa Wrestler. Ela também estudou Espanhol por três anos. Como está dito na sua autobiografia, Dumas também treinou ao dançar num clube debaixo de um pseudónimo, que era Misty.

Dumas primeiro ficou interessada no Wrestling após ver o lutador Mexicano Rey Mysterio a lutar num episódio do WCW Monday Nitro da World Championship Wrestling com o seu namorado desses tempos, que era um grande fã de Wrestling. Ela viajou para o México para aprender como lutar e aprender mais sobre esse desporto, encontrando um número considerável de Wrestlers conhecidos como Yoshihiro Tajiri, Val Venis, Essa Rios, Super Crazy ou Chris Jericho. Durante a sua estadia no México, Dumas treinou com vários Wrestler, incluindo Kevin Quinn, Miguel Perez e Ricky Santana. Depois de ter o seu treino completo, Dumas fez várias aparições com a Empresa Mexicana de Lucha Libre, e gastou dez dias a trabalhar para uma promoção no Peru.

Quando voltou aos Estados Unidos, Dumas começou a trabalhar como Manager (ou Valete, como queiram) no circuito independente com o nome de ringue Angelica, e foi Manager de Christopher Daniels por algum tempo. Na Primavera de 1999, ela foi contactada por Paul Heyman, o dono e Booker da Extreme Championship Wrestling, que era então a terceira maior promoção nos Estados Unidos, Dumas estreou-se na ECW como Miss Congeniality, que era namorada de Danny Doring (apenas Story’Line, claro). Dumas mais tarde começou a usar o nome Angelica mais uma vez, e fez a sua estreia em PPV’s no dia 18 de Julho de 1999, no Heat Wave.

Dumas foi apresentada ao Wrestler veterano Dory Funk Jr., pelo Wrestler da ECW Rob Van Dam, e Funk convidou-a para entrar na sua escola de Wrestling, a conhecida Funkin’ Conservatory. Dumas entrou nessa escola juntamente com outros 23 homens, dizendo a Funk para não a tratar diferentemente dos outros durante os treinos. Ela passou nos treinos em Agosto de 1999 e voltou para a ECW. Depois disso, Funk e a sua mulher compilaram um vídeo de Dumas e logo o mandaram para a World Wrestling Federation. A Federação ficou suficientemente impressionada, e, em 1 de Novembro de 1999, Dumas assinou um contrato de desenvolvimento com a WWF. Ela fez a sua última aparição na ECW no dia 23 de Outubro de 1999.

 

Na World Wrestling Federation

 

Em 1999 e 2000

 Depois de melhorar as suas manobras na Memphis Championship Wrestling (área de desenvolvimento desses tempos), Dumas ficou com o nome de Lita e fez par com o lutador Essa Rios. Lita e Rios fizeram a sua estreia na WWF no episódio do Heat de 13 de Fevereiro de 2000, com Rios a derrotar Gillberg para vencer o WWF Light Heavyweight Championship. Lita ajudou Rios nos seus combates ao interferir “um pouco”, e imitando as manobras de Essa depois de este as fazer. Os dois entraram numa pequena Feud com Eddie Guerrero e Chyna, e Lita despiu o vestido que Chyna tinha vestido para uma “dança” com Guerrero. A tensão entre Rios e Lita em Maio de 2000, depois de Lita encontrar Rios com o The Godfather e as suas prostitutas, e Rios virou-se contra ela depois dela lhe custar um combate inadvertidamente. Lita foi salva de uma tareia às mãos de Rios pelos Hardy Boyz (Matt e Jeff) e este Trio formou uma nova Stable conhecida por Team Xtreme. Como membro da Team Xtreme, Lita desenvolveu uma imagem mais “alternativa”, vestindo roupas que deixavam grande parte das suas “zonas” à mostra.

Em Junho de 2000, a Stable começou a rivalizar com os T & A, com Lita a entrar numa rivalidade com a Manager dos mesmos, Trish Stratus. A Feud acabou logo no Fully Loaded de 2000, onde Lita venceu Stratus num Six Person Intergender Tag Match. Imediatamente após a sua Feud com Stratus, Lita começou uma Feud com a WWF Women’s Champion Stephanie McMahon. No Main Event de 21 de Agosto de 2000 do episódio da RAW is WAR, Lita derrotou Stephanie McMahon com um MoonSault para vencer o seu primeiro Women’s Championship.

Lita segurou o Women’s Championship por 73 dias, derrotando algumas lutadoras como Ivory, Terri Runnels, The Kat, e até mesmo Trish Stratus. No dia 9 de Outubro de 2000, no episódio do RAW is WAR, Lita reteve o seu título num Hardcore Match contra Jacqueline. No decurso do seu reinado, Lita entrou na Feud entre os Hardy Boyz e Edge e Christian. Em retaliação contra a sua frequente interferência nos seus combates, Edge e Christian custaram a Lita o Women’s Championship, ajudando Ivory a derrotá-la num Four Way Match no episódio da SmackDown de 2 de Novembro de 2000. Lita tentou vencer o título outra vez por diversas vezes, lutando com Ivory no Survivor Series 2000 e no Rebellion 2000, mas foi impedida por Stevie Richards nas duas ocasiões, o mentor de Ivory. Ela gastou o fim do ano numa Feud com Dean Malenko, chegando ao ponto de o desafiar para um combate pelo WWF Light Heavyweight Championship, mas sem qualquer sucesso, perdendo claramente o combate.

 

Em 2001 e 2002

 Lita continuou a sua Feud com Dean Malenko no princípio de 2001, e no dia 19 de Fevereiro de 2001, no episódio da RAW is WAR, ela derrotou-o num combate Single com assistência de Matt Hardy. A seguir ao combate, Hardy beijou Lita, começando a sua relação na Story’Line. Esta dupla lutou em vários combates mistos de equipa, durante o princípio daquele ano.

Depois de uma pequena Feud entre a Xtreme e a Two-Man Power Trip em Abril de 2001, Lita começou a perseguir o WWF Women’s Championship mais uma vez. Ela desafiou a campeã Chyna no Judgment Day de 2001, no dia 20 de Maio de 2001, mas foi derrotada (isto porque era o último combate de Chyna na WWF). Nesse mesmo mês, Eddie Guerrero começou a fazer equipa com os Hardy Boyz. Uma Story’Line envolvendo Guerrero e Lita foi feita em Junho de 2001, até Guerrero ser enviado para a reabilitação de droga, e Chyna, que também era supostamente para ser envolvida na Story’Line, foi libertada do seu contrato com a WWF.

Em Julho de 2001, Lita e Trish Stratus juntaram forças para combater Stacy Keibler e Torrie Wilson, membros da Aliança entre os Wrestlers da Extreme Championship Wrestling e da World Championship Wrestling, que estavam a invadir a WWF. No Invasion em 22 de Julho de 2001, Lita e Stratus derrotaram Keibler e Wilson num Tag Bra and Panties Match. Durante a “Invasão”, Lita, Stratus e Jacqueline rivalizaram com membros da Aliança, Torrie Wilson, Stacy Keibler, Ivory e Mighty Molly. A Story’Line da “Invasão” acabou em 18 de Novembro de 2001 no Survivor Series, onde Lita fez parte de um Six Pack Challenge pelo WWF Women’s Championship, que tinha sido suspenso por Chyna. O combate foi ganho por Trish Stratus.

Nos finais de 2001, os Hardy Boyz começaram a rivalizar um com o outro. Lita arbitrou o combate entre os dois no Vengeance 2001 no dia 9 de Dezembro de 2001, que foi ganho por Jeff Hardy, com Lita a não conseguir ver que Matt Hardy tinha a perna na corda quando Jeff conseguiu o Pinfall e a vitória. No episódio seguinte da RAW, Matt derrotou Lita e Jeff num Handicap Match, pouco tempo antes de informar Lita que a sua relação com ela e também os Hardy Boyz, estavam ambos acabados, devido às recentes acções de Jeff e Lita.

Lita começou a acompanhar Jeff Hardy para o ringue para os seus combates, com os dois a estarem envolvidos numa amizade colorida. No episódio da RAW de 17 de Dezembro de 2001, Jeff e Lita estavam fora de acção (Kayfabe) devido a lesões depois de um combate violento pelo Hardcore Championship de Jeff contra Undertaker. A lesão de Jeff e de Lita levou a uma reconciliação entre todos os membros da Xtreme, e em 20 de Dezembro de 2001, num episódio da SmackDown, Matt Hardy enfrentou Undertaker, mas também estava lesionado. Todos os três membros da Xtreme foram removidos da WWF televisionada durante algumas semanas, com o jornalista Dave Meltzer atribuindo este remoção devido a não haver Story’Lines para o Trio. O Head of Talent Relations, Jim Ross, disse numa entrevista que a remoção da equipa da televisão era para os deixar “recarregar as suas baterias”.

Os Hardy Boyz competiram na Royal Rumble 2002, e, juntamente com Lita, voltaram à WWF televisionada em Fevereiro de 2002. Lita voltou à sua perseguição pelo WWF Women’s Championship em Março de 2002, e fez a sua grande estreia em WrestleManias, na WrestleMania X8 em 17 de Março de 2002, ao enfrentar Trish Stratus e a campeã Jazz, e nesse combate Lita foi derrotada, pois Jazz conseguiu reter o título.

A 6 de Abril de 2002, Lita sofreu uma lesão ao gravar uma cena de luta para a série final do programa de televisão Dark Angel. Depois de fazer uma radiografia, foi revelado que Lita tinha sofrido três rupturas nas vértebras C5 e C6, o que necessitaria de uma cirurgia. Em 30 de Abril de 2002, Lita fez a sua operação ao pescoço pelo Dr. Lloyd Youngblood na cidade de San Antonio, Texas, onde lhe foram ligadas as duas vértebras lesionadas. Lita gastou o resto do ano a reabilitar-se, fazendo aparições no Sunday Night Heat como comentadora em Outubro de 2002.

 

Na World Wrestling Entertainment

 

Em 2003 e 2004

 Lita apareceu no episódio da RAW de 21 de Abril de 2003, onde ela foi despedida da sua posição como comentadora no Sunday Night Heat pelo General Manager Eric Bischoff, depois de ela rejeitar os “avanços” dele, e os seus pedidos para que ela seguisse os passos a Torrie Wilson e posasse para a Playboy. Ela voltou ao ringue depois de uma ausência de dezassete meses no dia 15 de Setembro de 2003, num episódio da RAW, onde salvou Trish Stratus de um ataque violento de Molly Holly e Gail Kim (o Co-General Manager Stone Cold Steve Austin mais tarde explicou a Eric Bischoff que tinha readmitido Lita). De seguida, Lita e Trish derrotaram Holly e Kim num Tag Match no dia 21 de Setembro de 2003 no Unforgiven 2003. Lita rivalizou com Molly até aos fins de 2003, chegando a desafiá-la sem sucesso pelo Women’s Championship no dia 16 de Novembro de 2003, no Survivor Series de 2003.

No episódio da RAW de 17 de Novembro de 2003, Lita e Matt Hardy foram reunidos depois de Hardy passar da SmackDown para a RAW. Depois de Hardy aparecer e estar quase a declarar-se a Lita, Molly Holly interrompeu, desafiando Lita e Hardy para enfrentá-la a ela e a Eric Bischoff num Intergender Tag Match mais tarde naquela noite (com Bischoff a dizer que se Lita vencesse iria ganhar uma oportunidade pelo Women’s Championship, mas que se perdesse iria ser logo despedida). Hardy e Lita perderam o combate depois de Hardy recusar-se a entrar, com Hardy a dizer que Lita preferiu voltar para a RAW em vez de ir para a SmackDown, e também dizendo que esta foi uma mostra de que ela se importava mais com o título do que com ele. Lita foi readmitida ainda nessa noite, quando Christian lhe disse que tinha conseguido persuadir Eric Bischoff a readmiti-la. Uma semana mais tarde, Lita perdeu para Victoria (devido a ajuda de Matt Hardy), na primeira Steel Cage feminina a ser televisionada na RAW.

Ao mesmo tempo que Christian e Lita desenvolviam uma relação, também o fizeram Trish Stratus e Chris Jericho. Mesmo assim, no episódio da RAW de 1 de Dezembro de 2003,foi revelado que Christian e Jericho tinham apostado um com o outro quem conseguiria seduzir primeiro Lita e Trish, respectivamente. Esta revelação levou a uma Feud com Trish e Lita contra Christian e Jericho, com os masculinos a triunfar na “Guerra dos Sexos” no Armageddon 2003. Houve um Rematch do mesmo combate no episódio da RAW de 14 de Dezembro de 2003, mas Chris Jericho parou o combate, devido a Trish lhe ter lesionado o seu joelho.

Lita competiu na Divisão Feminina durante os princípios de 2004, vencendo uma Battle Royal para se tornar Nº1 Contender ao Women’s Championship no episódio da RAW de 5 de Abril de 2004. Victoria derrotou Lita para reter o seu Women’s Championship no Backlash 2004, no dia 18 de Abril de 2004. Lita foi reunida com Matt Hardy no episódio da RAW de 19 de Abril de 2004, quando Hardy atacou Kane numa tentativa de não deixar este fazer mal a Lita. Nas semanas seguintes, Kane começou a atacar Hardy e a tentar seduzir Lita, chegando mesmo ao ponto de a raptar, e levá-la para o Backstage, onde lhe disse que tinha conseguido persuadir Eric Bischoff a dar-lhe uma oportunidade pelo Women’s Championship no Bad Blood 2004, no dia 13 de Junho de 2004.

No episódio da RAW de 14 de Junho de 2004, Lita revelou que estava grávida (Story’Line, das mais estúpidas que existe). Uma semana mais tarde, parecia mais uma vez que Matt Hardy se iria declarar a Lita. Mesmo assim, foi mais uma vez interrompido por Kane, que disse que ele, e não Hardy, era o pai da criança de Lita, pois Lita tinha ido para a cama com Kane numa forma de o persuadir a não atacar Hardy. Dois meses mais tarde, foi revelado que Kane era, de facto, o pai da criança. Hardy e Kane rivalizaram durante vários meses, o que culminou num “Till Death Do Us Part Match” no dia 15 de Agosto de 2004 no SummerSlam de 2004, com a estipulação de que Lita era obrigada a casar com Kane se Matt Hardy perdesse. Kane venceu o combate, o que levou a que ele e uma relutante Lita casassem no episódio da RAW de 23 de Agosto de 2004. Mesmo estando casada com Kane, ela ajudava os adversários do mesmo a vencerem os combates. No episódio da RAW de 13 de Setembro de 2004, Lita caiu depois de Gene Snitsky acertar com uma cadeira em Kane, fazendo este cair em cima de Lita, e esta perdeu a criança. Este aborto espontâneo levou a que Lita e Kane juntassem forças para conseguir ter vingança de Snitsky. Com este ângulo da gravidez com um fim, Lita voltou à Divisão Feminina em Novembro de 2004. Ela desafiou Trish Stratus pelo Women’s Championship por várias vezes, e finalmente venceu o título para começar o seu segundo reino como campeã, no Main Event do episódio da RAW de 6 de Dezembro de 2004.

 

Em 2005 e 2006

 O segundo reinado de Lita como Women’s Champion terminou no dia 9 de Janeiro de 2005, no New Year’s Revolution 2005, onde ela foi derrotada por Trish Stratus. No decurso deste combate, Lita sofreu uma lesão legítima, rasgando o seu ACL esquerdo depois de executar um Lou Thesz Press fora do ringue. Esta lesão requereu uma cirurgia que foi feita pelo Dr. James Andrews no dia 20 de Janeiro de 2005.

Lita voltou à WWE televisionada em Março de 2005, como mestra de Christy Hemme, para a preparar para a sua oportunidade pelo título contra Trish Stratus na WrestleMania 21. Mesmo com o treino intensivo dado por Lita, Hemme foi facilmente derrotada por Trish. Lita continuou a rivalizar com Stratus nas semanas seguintes, com Kane a vencer o “namorado” de Trish, Viscera, no Backlash 2005, no dia 1 de Maio de 2005. Posto isto, a relação de Lita e Kane acabou no episódio da RAW de 26 de Maio de 2005, com Lita a tornar-se Heel ao trair Kane, ajudando o oponente do mesmo, Edge, a derrotá-lo e seguir para a final do WWE RAW Gold Rush Tournament. No episódio da RAW de 30 de Maio de 2005, Lita anunciou que tinha pedido o divórcio, atirando a sua aliança para uma sanita. Ela tentou casar com Edge no episódio da RAW de 20 de Junho de 2005, mas a cerimónia de casamento foi interrompida por um Kane bastante furioso, que apareceu por debaixo do ringue, e atacou também o padre, mesmo que este não tivesse nada a ver com aquilo que estava a presentear.

Lita continuou a actuar como a “dama” de Edge, com este último a derrotar Matt Hardy no SummerSlam 2005 (a WWE tinha recentemente abordado numa Story’Line os problemas reais entre Edge, Lita e Hardy). Os dois homens continuaram a sua equilibrada Feud até ao episódio da RAW de 3 de Outubro de 2005, quando Edge, com grande ajuda de Lita, derrotou Matt Hardy num Ladder Match bastante desigual. Como estipulação deste combate, o perdedor estava obrigado a sair da RAW, e Hardy foi mesmo para a SmackDown.

Depois de Edge derrotar John Cena para vencer o WWE Championship no dia 8 de Janeiro de 2006, no New Year’s Revolution 2006, ele anunciou que ele e Lita iriam celebrar ao ter seco no meio do ringue no episódio da RAW de 9 de Janeiro de 2006. O evento teve Lita e Edge a despir a sua roupa antes de se meterem debaixo dos lençóis de uma cama também montada especialmente no ringue. O evento foi interrompido por Ric Flair, o que levou a Edge deixar a cama e chegar a aplicar-lhe um Conchairto. Lita, deixada sozinha, vestiu-se e John Cena entrou e aplicou-lhe um F-U. Um dos seios de Lita foi mostrado durante momentos durante o segmento; isto não teve censura em Inglaterra, mas nos Estados Unidos teve.

Lita voltou aos ringues num combate de equipa num House Show a 20 de Janeiro de 2006, fazendo equipa com Victoria contra Mickie James e Trish Stratus, e voltou aos ringues na televisão no dia 6 de Fevereiro de 2006, fazendo equipa com Edge num combate perdido para John Cena e Maria Kanellis. Ela continuou com Edge, até metade de 2006, frequentemente interferindo bastante durante a Feud dele com Mick Foley. Em Maio de 2006, Foley juntou forças com Edge e Lita, com o Trio a derrotar os seus rivais da ECW, Tommy Dreamer, Terry Funk e também Beulah McGillicutty num grande Six-Person Tag Match no ECW One Night Stand 2. Edge venceu o combate após aplicar um Spear a Beulah, mas Lita levou pior, depois de receber o Finisher de Tommy Dreamer, o Dreamer Driver, um tipo de Fireman’s Carry invertido, tipo Death Valley Driver.

No episódio da RAW de 3 de Julho de 2006, Lita assistiu à vitória de Edge perante John Cena e Rob Van Dam numa grande Triple Threat Match, para vencer pela segunda vez na sua carreira o WWE Championship.

No episódio da RAW de 14 de Agosto de 2006, Lita derrotou Mickie James para vencer o seu terceiro Women’s Championship ao conseguir dar com o título na cara de Mickie. Ela também derrotaria Mickie James, no seu Rematch no episódio da RAW de 28 de Agosto de 2006, mas desta vez usando as cordas para a vitória, após reverter o Mickanrana para finalmente conseguir fazer o Pin e reter o seu novo título obtido.

Lita e Edge começaram a rivalizar com Trish Stratus e Carlito, o que culminou num combate entre Lita e Trish Stratus no Unforgiven 2006, no qual Stratus derrotou Lita para vencer o Women’s Championship no que foi o último combate de Stratus na WWE. Lita usou o seu MoonSault pela primeira vez como Heel nesse combate. O combate também ficou marcado pela segunda vez que Lita perdeu por submissão na sua carreira, ao perder com o Sharpshooter. A outra a fazê-la desistir na história da WWE foi Jazz, com o seu STF.

No episódio da RAW de 25 de Setembro de 2006, Lita derrotou Candice Michelle para um lugar na semi-final do Women’s Championship Tournament quando Edge, o Special Guest Referee dessa noite, aplicou o seu Spear a Candice. Lita derrotou Maria para um lugar na final no episódio da RAW de 30 de Outubro de 2006, vencendo com o seu Snap DDT. A 5 de Novembro, no Cyber Sunday 2006, depois de interferência das Lumberjacks, Lita venceu Mickie James mais uma vez com um Snap DDT para vencer o título e começar o seu quarto e último reino como WWE Women’s Champion. Na edição da RAW de 6 de Novembro, Lita derrotou Mickie James mais uma vez para reter o WWE Women’s Championship com facilidade, quando Eric Bischoff ordenou que James teria um braço atado atrás das costas. No episódio da RAW de 20 de Novembro, depois de derrotar Mickie James num Non-Title Match, Lita anunciou que se iria retirar da WWE depois do seu combate com James no Survivor Series 2006, o que ela confirmou na noite seguinte numa entrevista ao WWE.com. No Survivor Series, no dia 26 de Novembro de 2006, Lita foi derrotada por James, perdendo o seu combate final na WWE.

No dia após se retirar, Lita disse, no WWE.com, que os seus planos para se retirar tinham começado a meio de 2005, quando a Feud entre Edge e Matt Hardy estava no seu auge. Devido ao seu envolvimento nesta Feud, os insultos que recebia dos fãs eram tão fortes que ela sentia como se mesmo quando ela estava simplesmente a passear o seu cão, as pessoas iam à janela e gritavam que ela tinha lixado o Matt. Ela começou a ficar farta de tudo aquilo e do tratamento que recebia dos fãs (principalmente aos mais fiéis a Matt Hardy), ela decidiu que a única maneira de evitar este tratamento era retirar-se completamente do Wrestling. Ela também disse que os seus planos para o futuro são dar maior atenção à banda onde actua, os The Luchagors, mas disse que também tenciona ir mais longe numa carreira cinematográfica.

 

Várias curiosidades

       ·          Lita é a única mulher a conseguir vencer o Título Feminino no Main Event da RAW, derrotando Trish Stratus e Stephanie McMahon em duas ocasiões separadas.

·          Lita lutou na primeira Steel Cage feminina na WWE, num combate bastante curioso contra Victoria.

·          Lita continua a ser a única mulher a estar envolvida fisicamente num combate Tables, Ladders and Chairs (TLC).

 

Vida pessoal

 Em Fevereiro de 2005, foi revelado que Dumas tinha estado envolvida num romance com Edge por alguns meses, enquanto que ainda era namorada de Matt Hardy. Depois de este incidente se tornar do conhecimento público, a WWE rescindiu o seu contrato com Matt Hardy. Quando este último voltou à acção, esta situação da vida real foi aproveitada pela WWE para se tornar numa Story’Line que obteve bastante sucesso.

Dumas é conhecida por ser uma grande amante de animais. Nos seus anos de adolescente, ela teve quatro patos em duas ocasiões separadas. Ao princípio da sua idade adulta, ela iria tornar-se uma grande protectora de animais, e, em 2003, ela fundou a Amy Dumas Operation Rescue and Education (A.D.O.R.E.), uma fundação de caridade para os animais. Ela já teve 3 cães: Cody, que morreu de cancro em 2003, Mason, que foi morto num acidente de carro, e Lucas, que foi levado por Matt Hardy depois de os dois se separarem. Dumas está neste momento a criar um cão a que deu o nome original de MacKenzie.

O cabelo de Dumas é naturalmente castanho, mas ela decidiu pintá-lo para a sua carreira na WWF/E. Ela tem uma grande variedade de tatuagens, incluindo uma gárgula verde, com três olhos no seu tríceps direito, a palavra “Punk” na parte de dentro do seu lábio inferior, e uma palavra em linguagem Russa na parte de trás do seu pescoço.

Dumas fez implantes mamários no ano de 1999.

Dumas é a vocalista dos The Luchagors, uma banda de Punk Rock. A banda estreou-se num evento de Rock N’Wrestling chamado Rock – N – Shock no The Masquerade em Atlanta, Georgia. Dumas vestiu um Top com o símbolo da sua banda gravado, no seu combate final na WWE.

tags:
619 seguido de um Batista Bomb seguido de um cover de bruno-wwe às 21:43
Link do Post | Comentar | Adicionar aos Favoritos

Participar

Participe Neste Blog

Menu

Home
Notícias
TV Shows
Raw
SmackDown
ECW
Pay-Per-View
Inside
Campeões
Superstars
Power 25
Biografias
Info Wrestling
Downloads
Animações
Cartazes Musicais
Antes de Eles Serem Estrelas
Chibis
Puzzles

Contador e Horas

Free Web Site Counter
Free Web Site Counter

Mais Sobre Mim

Publicações

Resultados da ECW - 25/09...

Resultados da Raw - 24/09...

Resultados da SmackDown -...

Resultados da ECW - 18/09...

Resultados da Raw - 17/09...

Campeões

Resultados do Unforgiven ...

Resultados da SmackDown -...

Resultados da ECW - 11/09...

Resultados da Raw - 10/09...

Publicações Mais Antigas

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Setembro 2006

Links

Cbox


Perguntas

Qual a Brand que mais preferes?
SmackDown
Raw
TNA
ECW
  
pollcode.com free polls
Qual e que axas que e a Diva mais sexy da WWE
Ashley
Candice Michelle
Jillian Hall
Kelly Kelly
Kristal
Layla El
Lilian Garcia
Maria
Melina
Michelle McCool
Mickie James
Rebecca
Torrie Wilson
Victoria
  
pollcode.com free polls
Qual axas que era o resultado entre The Great Khali vs. Umaga?
Ganhava: The Great Khali
Ganhava: Umaga
Empate
  
pollcode.com free polls

Forum

online