Música do Blog

Papadocks - A Bata...
Sábado, 27 de Janeiro de 2007

Bio de Eddie Guerrero

Ficha técnica:

Nome – Eduardo Gory Guerrero Llanes
Alcunhas (s) –
Latino Heat; El Caliente
Altura – 1,73 metros
Peso – 203 kilos
Data/local de nascimento – 9 de Outubro de 1967, em El Paso, Texas
Treinado por – Gory Guerrero
Estreia – Em 1987

 

Início de carreira nas independentes e na Extreme Championship Wrestling (1987 – 1995)

Guerrero cresceu no seio de uma lendária família de Wrestling. O seu pai, Gory Guerrero, foi um dos grandes fundadores da Lucha Libre, um proeminente treinador de Wrestling, e uma figura muito influente no crescimento do Pro-Wrestling Mexicano. Os seus três irmãos, Chavo Guerrero, Hector Guerrero e Mando Guerrero todos seguiram os passos do seu pai e tornaram-se em Wrestlers profissionais. O sobrinho de Eddie, Chavo Guerrero Jr., também se tornou num Wrestler, enquanto que o seu tio Enrique Llanes e o seu primo Javier Llanes lutavam no México. Durante criança, Eddie e o seu sobrinho, combatiam durante os intervalos dos Shows do seu pai para entreter os fãs durante o mesmo, mostrando o seu talento.

Guerrero cresceu em El Paso, Texas e de seguida foi para a Universidade do Novo México e também para a New Mexico Highlands University com uma bolsa de estudo para a área de desporto, onde aprendeu a lutar ainda “melhor” que aquilo que já sabia, antes de voltar para El Paso e aí treinar mesmo a sério para se tornar num Wrestler profissional. Ele estreou-se em 1987 na promoção Mexican Empresa Mexicana de Lucha Libre. Ele tornou-se numa estrela no Mexico antes de ser Main Eventer nos Estados Unidos. Mais tarde nos anos 80, Guerrero fez a sua estreia na National Wrestling Alliance, afiliada com a World Championship Wrestling (antes conhecida por Jim Crockett Promotions), como Jobber.

Em 1993, Guerrero começou a lutar no Japão pela New Japan Pro Wrestling, onde ele era conhecido como o Black Tiger II. No Mexico, ele lutou algum tempo pela Asistencia Asesoria y Administracion, fazendo equipa com Hijo del Santo, equipa com o nome de La Pareja Atómica (The Atomic Pair), nome celebrizado pela equipa de Gory Guerrero e El Santo. Depois de Guerrero se virar contra Santo e juntar-se a Art Barr como La Pareja dele Terror (The Pair of Terror), o dueto tornou-se na equipa mais odiada da história da Lucha Libre. Com Barr, Konnan, Chicano Power e Madonna’s Boyfriend, Guerrero formou uma Stable chamada de Los Gringos Locos (The Crazy Americans), uma Stable Heel. Ele mais tarde diria que por mais pessoal que entrasse para a Stable, tudo girava em volta de Art Barr. Los Gringos Locos rivalizaram muito com Hijo del Santo e o seu parceiro Octagón, o que levou a um Hair vs Mask Match no primeiro PPV da Lucha Libre na America, o When Worlds Collide, o qual a Stable de Eddie perdeu.

A primeira separação de Barr e Eddie viria a aparecer quando foram contactados em 1994 pelo dono da Extreme Championship Wrestling, Paul Heyman, e ficaram muito perto de se tornarem membros da mesma promotora em 1995. Mas Barr morreu antes de poder ir lutar para a ECW com Guerrero. Como uma homenagem ao seu grande amigo falecido, Eddie adoptou para sempre a manobra de Art Barr, o FrogSplash, manobra que o viria a tornar famoso.

Guerrero venceu o ECW World Television Championship na sua estreia e de seguida teve uma série de grandes combates contra Dean Malenko antes de os dois assinarem com a World Championship Wrestling mais tarde nesse ano. Depois do seu último combate na arena da ECW, o resto do balneário cercou o ringue para se despedir dos seus amigos, com o público a cantar “Por favor, não vão!”.

Na World Championship Wrestling (1995 – 2000)

Na WCW, ele conseguiu consideravelmente obter sucesso nos Singles, ao vencer o WCW United States Heavyweight Championship em 1996 e também o WCW World Cruiserweight Championship por duas vezes em 1997. Por uma vez teve um Title Match num combate contra Rey Mysterio Jr., no Halloween Havoc. Ele perdeu o combate, mas classificou-o como o seu combate favorito na edição de Fevereiro de 2004 da revista da SmackDown e na sua autobiografia.

Mesmo com o sucesso e popularidade de Eddie, ele foi um dos muitos Wrestlers que ficaram frustrados por nunca terem uma oportunidade de Main Event na WCW. Isto levou a que Eddie se reunisse com Eric Bischoff para falarem sobre a sua personagem, dizendo Eddie a Eric para lhe dar um Push ou então libertá-lo por razões pessoais. Bischoff respondeu ao mandar café para cima de Eddie (Na sua autobiografia, Eddie diz que Bischoff deixou cair o seu café acidentalmente sobre a mesa, e que foi um completo acidente que se entornasse por cima dele). O Wrestler, furioso, mandou Bischoff libertá-lo do seu contrato com a WCW num episódio da WCW Monday Nitro, em directo. Guerrero então deixou a companhia por alguns meses, zangado com Bischoff, pelo que este tinha feito. Mesmo assim, Guerrero voltou mais tarde à WCW, dizendo que a sua zanga com Bischoff não era mais do que um Work (Guerrero mais tarde confirmou isso mesmo, afirmando que aquilo não era mais do que um mero Worked Shoot). Guerrero mais tarde referiria isto no DVD da WWE “Monday Night War” dizendo que tentou pôr as coisas pessoais de lado para o bem da companhia onde trabalhava, mas continuava zangado pois Bischoff insistia em não elevar Guerrero e outros Wrestlers também muito talentosos da promotora.

Guerrero respondeu às acções de Bischoff ao formar a Latino World Order (ou LWO) que foi percebido pelos fãs como um tipo de gozo à New World Order de Bischoff. O grupo respondeu ao facto de Bischoff não querer elevar os Wrestler latinos com partidas que achavam que Bischoff merecia. O grupo tinha todos os Wrestlers de origem Mexicana na promoção naquela altura envolvidos. Eddie teve um grave acidente de carro em 1999 que durante algum tempo “cortou” a LWO. Guerrero sobreviveu ao acidente e voltou para o Wrestling em pouco tempo depois.

Depois do seu regresso, ele ajudou a criar os The Filthy Animals com Rey Mysterio e Konnan (mais tarde também incluiria Juventud Guerrera, Billy Kidman e Disco Inferno). Mesmo com o sucesso desta Stable, ele continuou a ser ignorado pelos Bookers da WCW e assinou pela WWF em 2000, juntamente com as grandes estrelas da WCW Chris Benoit, Dean Malenko e Perry Saturn.

Na World Wrestling Federation (2000 – 2001)

Guerrero e os outros antigos Wrestlers da WCW estrearam-se na WWF no dia 31 de Janeiro de 2000 como os The Radicalz, aparecendo na RAW e interferindo num combate incluindo os New Age Outlaws. Em Março de 2000, Guerrero começou a “relacionar-se” com Chyna, a quem ele chamou de sua “Mamacita”. Chyna inicialmente rejeitou os avanços de Eddie, mas aliou-se a ele a seguir à WrestleMania 2000, declarando que ela não podia resistir ao charme do “Latino Heat”.

Guerrero venceu o seu primeiro título na WWF ao derrotar outro antigo lutador da WCW, Chris Jericho, pelo WWF European Championship com alguma ajuda de Chyna. Ele e Chyna começaram a rivalizar com Essa Rios e Lita, o que culminou num European Championship no Bakclash de 2000. Guerrero venceu Rios depois de chegar até ao ringue num Chevrolet de 1957. Guerrero reteve o seu título em combates também contra Saturn e Malenko antes de finalmente perder para Saturn a 23 de Julho de 2000 no PPV da WWE, o Fully Loaded, perdendo para um dos seus antigos companheiros dos Radicalz.

Nos meses seguintes, Chyna e Guerrero começaram a zangar-se. Chyna ficou zangada quando Guerrero lhe efectuou o Pin para avançar no torneio King of the Ring. No dia 27 de Agosto de 2000, Chyna venceu o WWF Intercontinental Championship. Então, quando Chyna ia ter uma defesa de título com Kurt Angle, Eddie pediu ao Comissionário Mick Foley para fazer parte desse combate, dizendo que estava com medo que Angle pudesse lesionar Chyna. Depois de, no combate, Angle acertar com o título com o cinto, Guerrero “acidentalmente” cobriu Chyna e efectuou o Pin nela, mesmo sem saber que o estava a fazer.

Chyna começou a ficar bastante desconfortável porque Guerrero começou a roubar em ordem de manter o seu título, e quando Guerrero soube que Chyna estava a posar para a Playboy, tentou entrar na mansão da Playboy para parar a sessão fotográfica. Quando ficou claro que Chyna “deixaria” Guerrero, ele pediu para ela não o deixar e ela aceitou. A aliança acabou quando Guerrero foi capturado a tomar banho com duas das prostitutas do The Godfather e a dizer que “Duas Mamacitas são melhores que uma”. Guerrero tornou-se Heel outra vez como resultado daquele incidente e foi mais tarde derrotado pelo título Intercontinental por Billy Gunn, amigo de Chyna.

Os Radicalz reuniram-se mais tarde em 2000, ajudando Triple H no seu combate contra Stone Cold Steve Austin no Survivor Series. Nos princípios de 2001, Guerrero rivalizou com Test, vencendo o European Championship pela segunda vez na WrestleMania X-Seven com ajuda de Perry Saturn e de Dean Malenko. Depois disto, Guerrero saiu dos Radicalz, juntando-se aos Hardy Boyz e a Lita. Durante isto, Guerrero ressentiu-se do seu acidente de carro em 1999, e teve de tomar ainda mais medicamentos para aliviar a dor, e em Maio de 2001 foi mandado para o centro de reabilitação de Talbot. No dia 9 de Novembro de 2001, ele foi preso por conduzir bêbado e consequentemente a WWF rescindiu contrato com Eddie três dias mais tarde.

No circuito independente (2001 – 2002)

Depois de “limpar” o seu cadastro por culpa das suas acções, Guerrero apareceu em numerosas promoções independentes, incluindo a World Wrestling All-Stars, a IWA Mid-South, a IWA Puerto Rico, e também a Ring of Honor. Depois de um número de grandes combates, tal como a sua “batalha” com Doug Williams durante o torneio Frontier Wrestling Alliance’s King Of England e a sua série de combates com CM Punk, ele foi contactado pela WWF (renomeada WWE) em Março de 2002. Quando ele assinou, ainda tinha agendado um Show pela Ring of Honor, outro pela IWA Mid-South e ainda mais um pela International Wrestling Cartel. A WWE permitiu-lhe cumprir as suas obrigações, e no dia 19 de Abril de 2002, ele lutou contra CM Punk e Colt Cabana em Dayton, Ohio. No fim-de-semana seguinte, ele lutou mais uma vez com CM Punk pela International Wrestling Cartel, onde defendeu o WWE Intercontinental Championship. Esta uma das poucas vezes na história que um título da WWE esteve em jogo num ringue de uma promotora independente. Na noite seguinte a 27 de Abril, Guerrero fez equipa com The Amazing Red para derrotarem os The S.A.T. na “Night of Appreciation”, um Show da ROH dedicado exclusivamente a ele.

Quando estava a lutar no circuito independente, Guerrero venceu o IWA Mid-South Heavyweight Championship no dia 1 de Março de 2002 em Indianapolis, Indiana, derrotando CM Punk e Rey Mysterio Jr., numa Three-Way Dance. Ele perdeu o título para Punk no dia seguinte em Morris, Illinois. Ele também obteve o WWA International Cruiserweight Championship desde 8 de Dezembro de 2001 até Abril de 2002, quando ele suspendeu o título.

Na World Wrestling Entertainment (2002 – 2005)

Guerrero voltou para a RAW no dia 1 de Abril de 2002, atacando Rob Van Dam e reunindo-se com Chris Benoit. No dia 21 de Abril no Backlash de 2002 ele derrotou Van Dam pelo Intercontinental Championship. Ele perdeu esse título um mês mais tarde também para RVD num Ladder Match num episódio da RAW. Então, ele começou uma Feud com Stone Cold Steve Austin, mas este deixou a WWE antes que um combate pudesse ser realizado. Guerrero então começou a rivalizar com The Rock, desafiando-o pelo Undisputed Championship depois de The Rock cantar um versão de “La Bamba” com as palavras trocadas, de modo a conseguir insultar Eddie Guerrero.

Los Guerreros

No dia 1 de Agosto de 2002, Guerrero e Benoit começaram a lutar exclusivamente para a Brand SmackDown. Com Benoit começando a focar-se em Kurt Angle, Eddie começou a dar-se com o seu sobrinho Chavo, formando a equipa chamada de Los Guerreros. Em contraste com uma antiga Story’Line da WCW com o seu sobrinho, Chavo adoptou o lema do seu tio que era “Lie, Cheat and Steal” (Mentir, Aldrabar e Roubar) para vencer os combates, e também adoptaram esse lema para fazer segmentos engraçados em que enganavam pessoas ricas (entre outras), para por exemplo arranjar a canalização e manter os donos fora, mas em vez disso fazer uma festa na piscina. A equipa entrou no torneio de oito equipas para decidir os WWE Tag Champions e começaram uma Feud com a recente equipa formada por Kurt Angle e Chris Benoit. Num momento definitivo para as duas equipas, Chavo disse a Benoit que Eddie estava a ser atacado por Angle. Benoit correu para salvar Eddie, mas apenas para ficar fechado dentro de um quarto. Guerrero então apareceu no quarto e atacou violentamente Benoit com uma cadeira de aço. Benoit e Angle então, nas meias-finais, derrotaram Los Guerreros para avançar no torneio. Mais tarde, Benoit e Angle venceram os WWE Tag Team Championships. Eles os dois então combateram um contra o outro por um troféu por serem os primeiros WWE Tag Champions. Param surpresa de Benoit, Los Guerreros ajudaram-no a vencer o combate.

Los Guerreros teriam então uma oportunidade de vencer os títulos num combate contra os novos campeões, Edge e Rey Mysterio. No Survivor Series de 2002, Guerrero fez Mysterio desistir perante o seu Lasso From El Paso. Com esta vitória, Los Guerreros começariam o seu reinado como WWE Tag Champions, um reinado que terminou após perderem para a Team Angle. Eles participaram na WrestleMania XIX como candidatos aos títulos, contra os campeões e também contra Chris Benoit e Rhyno. Antes do Judgment Day, Chavo rompeu o seu bíceps. Isto forçou Guerrero a procurar outro parceiro, escolhendo então Tajiri. Eles venceram os títulos no Judgment Day num Ladder Match. Na semana seguinte, Guerrero e Tajiri conseguiram manter os seus títulos, embora injustamente. Eles também derrotaram Roddy Piper e o seu protegido Sean O’Haire. Depois de Guerrero e Tajiri perderem os seus títulos para a Team Angle no dia 3 de Julho de 2003, Guerrero atacou Tajiri, mandando-o contra o Capot do seu Low-Rider.

Em Julho de 2003, Guerrero competiu num torneio pelo United States Championship. Ele conseguiu chegar à final, derrotando o Ultimo Dragon no processo, e defrontaria Chris Benoit. Neste combate, Guerrero voltou às suas tácticas de “roubar”, dando com o título na cara de Benoit durante o combate. Guerrero tentou culpabilizar Benoit pondo-lhe o título em cima, e deitando-se no chão, não resultando, mas deu com o título na cara do árbitro também. O combate acabou com interferência de Rhino, que aplicou um Gore a Benoit, danado com o falhanço da sua equipa. Então, Guerrero efectuou o Pin para vencer o United States Championship, num combate que teve tudo menos regras, e que foi injusto para Benoit.

No SummerSlam, Guerrero reteve o título ao derrotar Rhino, Benoit e Tajiri numa Fatal-4 Way. Ele tornou-se num Face outra vez ao entrar numa rivalidade com John Cena. Eddie desafiou Cena para um “Latino Heat” Parking Lot Brawl Match pelo United States Championship, o qual Guerrero venceu. Chavo regressou neste combate, ao ajudar Guerrero a vencer, executando um FrogSplash em Cena. No dia 18 de Setembro de 2003, Los Guerreros venceram a World’s Greatest Tag Team (Shelton Benjamin e Charlie Haas) para vencerem os WWE Tag Championships. Eddie tinha, neste momento, o United States Championship, e também o WWE Tag Championship.

Guerrero perdeu o United States Championship para Big Show no No Mercy de 2003 em Outubro depois de uma Feud que envolveu Guerrero envenenando Big Show com alguns laxativos e “regando-o” com m***a. Quatro dias mais tarde, Los Guerreros também perderam os WWE Tag Team Championships para os Basham Brothers. Enquanto os Los Guerreros tentavam recuperar os títulos, a animosidade entre Chavo e Eddie começou a aparecer. Os dois lutaram um contra o outro na Royal Rumble de 2004, combate do qual Eddie saiu como o grande vitorioso.

Campeão da WWE

Durante o Verão de 2003, Guerrero começou a conduzir um Low-Rider personalizado para o lado do ringue, fazendo parte da sua entrada. Guerrero também haveria de celebrizar o seu lema “Lie, Cheat and Steal” ao usar tácticas ilegais por trás dos árbitros para vencer combates. Ele era bem conhecido por dar a alguém com uma cadeira de aço (ou então ele passar a cadeira para as mãos do outro e cair no chão a propósito, quando o árbitro estava desatento), e também usando outras armas ilegais durante os seus combates. Mesmo com (ou possivelmente por causa disso) as suas tácticas imorais, Eddie continuou a crescer em termos de popularidade perante o público.

Eddie, de seguida, venceu uma Battle Royal de 15 homens para ganhar uma oportunidade pelo título da WWE.

No dia 15 de Fevereiro de 2004, Guerrero venceu o WWE Championship no No Way Out de 2004, ao vencer Brock Lesnar depois de interferência de Goldberg. A vitória fez com que ele fosse apenas o segundo Latino como WWE Champion (depois de Pedro Morales). De seguida, ele teria muitos meses como um campeão de sucesso, que incluiu uma vitória sobre Kurt Angle na WrestleMania XX, também como vitórias sobre Big Show e Rey Mysterio. Mais tarde, ele perderia o seu título para John “Bradshaw” Layfield num Texas Bull-Rope Match depois de Angle (que era o General Manager da SmackDown nesse tempo) reverter a decisão depois de Eddie conseguir defender o título com sucesso. No SummerSlam, Kurt Angle fez Eddie Guerrero desistir perante o seu Ankle Lock. Guerrero então aliou-se a Big Show, que também estava danado com Angle por este o ter despedido quando Angle ainda era o General Manager da SmackDown.

A cada semana que passava, Angle e os seus aliados Luther Reigns e Mark Jindrak lixavam Guerrero e o Big Show. O General Manager Theodore Long marcou um Elimination Match no Survivor Series entre uma equipa liderada por Eddie e outra liderada por Angle. A equipa de Guerrero continha ele próprio, Big Show, Rey Mysterio e também Rob Van Dam. Na semana seguinte, Guerrero foi forçado a procurar outro membro para a sua equipa porque Rey Mysterio tinha ganho uma oportunidade de lutar pelo WWE Cruiserweight Championship. Guerrero escolheu John Cena, que estava a rivalizar com Carlito, um dos membros da equipa de Angle no Survivor Series. No Survivor Series, Guerrero aplicou o seu FrogSplash em Kurt Angle para a vitória.

Guerrero, com Booker T e também com Undertaker, desafiou John “Bradshaw” Layfield para um combate pelo WWE Championship. Assim, Guerrero encontrou um parceiro em Booker T. Mesmo perdendo dois combates de seguida como equipa, Guerrero e Booker continuaram juntos. No Armageddon, Guerrero e Booker trabalharam como equipa, atacando Bradshaw e Undertaker. Mesmo assim, durante o combate, os dois desmembraram a equipa e fizeram claro que era cada um por si próprio. Guerrero tinha sido atacado por Undertaker quando JBL aplicou a sua Clothesline From Hell em Booker que lhe deu a vitória. De seguida, Booker e Eddie Guerrero tentaram vencer os títulos, mas não tiveram sucesso nessa tarefa.

Aliança e Feud com Rey Mysterio

No dia 20 de Fevereiro de 2005, Guerrero tornou-se mais uma vez campeão de equipa, desta vez com o seu grande amigo e por vezes também rival Rey Mysterio, derrotando os Basham Brothers em No Way Out de 2005, em Pittsburgh, Pennsylvania.

Muitos esperaram que os campeões defendessem os seus títulos na WrestleMania 21, mas depois de ser encorajado por Chavo, Eddie desafiou Rey para um combate entre eles os dois para que eles “levassem a casa abaixo”. Os dois lutaram no combate na WrestleMania (muito bom combate), e foi Rey quem levou a melhor sobre o seu parceiro. Mesmo frustrado com a sua derrota, Guerrero congratulou o seu parceiro. Depois de alguma tensão entre os dois depois desse combate, os dois finalmente se começaram a dar mesmo mal depois de perderem os títulos para a nova equipa, os MNM, no episódio da SmackDown de 21 de Abril de 2005. Eles tiveram uma oportunidade de vencer os títulos outra vez, mas Guerrero tornou-se Heel, ao fugir do combate quando Rey Mysterio se preparava para efectuar o Tag.

Guerrero então adoptou uma nova Gimmick, ainda mais “sacana” do que já era. Durante este tempo, ele deixou de conduzir o Low-Rider para perto do ringue e andava para o ringue com cara de quem não quer a coisa, e passou a inutilizar o Lasso From El Paso como a sua manobra. Num episódio da SmackDown, já perto do final do mesmo, ele atacou muito violentamente o seu antigo parceiro Rey Mysterio, deixando-o a sangrar abundantemente depois de um Brain Buster nas escadas de metal. No Judgment Day de 2005 no dia 22 de Maio de 2005, Guerrero perdeu para Mysterio por desqualificação após o ter atacado com uma cadeira.

Semanas após o combate do Judgment Day, Guerrero ameaçou revelar um segredo sobre Rey e o seu filho Dominick. A Story’Line começou a envolver as famílias de ambos os Wrestlers, com os dois lados pedindo a Guerrero para não revelar o segredo. Rey derrotou Guerrero no Great American Bash de 2005, um combate que tinha a estipulação de que, se Eddie perdesse, nunca revelaria o seu segredo. Mesmo assim, furioso com a sua derrota, Eddie revelou o segredo no episódio seguinte da SmackDown, dizendo a Dominick e ao público que Guerrero era o seu pai biológico. Nas semanas seguintes, Guerrero ia revelando detalhes sobre o segredo numa série que ele chamou “Eddie’s Bedtime Stories” (História de Embalar do Eddie). Ele disse que teve uma criança vinda de outra relação (Dominick) quando o seu próprio casamento estava prestes a desmoronar-se, passando por tempos difíceis. Então disse que pediu ajuda a Rey e à sua mulher para adoptarem a criança como seu próprio filho.

No SummerSlam de 2005, Guerrero perdeu um Ladder Match contra Rey Mysterio, o qual estava em jogo a custódia de Dominick. A emocional Feud entre os dois acabou na primeira Friday Night SmackDown, quando Eddie derrotou Rey pela primeira vez numa fantástica Steel Cage.

Amizade e Feud com Batista

Depois da sua Feud com Rey Mysterio, Guerrero foi nomeado como Nº1 Contender para o World Heavyweight Championship e deram-lhe um combate pelo título de Batista em No Mercy de 2005, no dia 9 de Outubro de 2005. Mesmo com isto, Guerrero depressa se proclamou como um amigo de Batista. Mesmo assim, Batista ficou desconfiado e suportou essas suspeitas durante uma série de combates com os MNM, nos quais Eddie apenas vencia com as suas maneiras de “roubar”. Em resposta a estas suspeitas, Guerrero ajudou Batista a vencer um combate contra os seus parceiros, JBL e Christian.

Batista venceu Eddie em No Mercy para conseguir reter o seu World Heavyweight Championship. Durante o combate, Guerrero ficou hesitante em usar ou não uma cadeira para vencer o combate, mas optou por não o fazer, e como resultado perdeu o combate. Depois do combate, ambos demonstraram respeito mútuo, mas quando Batista virou as costas, Eddie fez um dos seus sorrisos maléficos. Guerrero falaria a Batista sobre como tinha estado mal desde que perdera o seu título da WWE em 2004, tendo atacado o seu melhor amigo Rey Mysterio. Guerrero disse que ao apertar as mãos com Batista em No Mercy, foi como que o seu respeito voltasse para ele.

Num combate contra Randy Orton, Guerrero voltou a Face mais uma vez. Ele venceu por desqualificação, depois de Bob Orton ter interferido no combate. Batista viria salvar Eddie enquanto este estava a ser atacado pelos dois da família Orton.

Na edição de 11 de Novembro de 2005 da Friday Night SmackDown, Eddie Guerrero lutou no combate final da sua carreira, numa vitória por desqualificação, utilizando as suas tácticas imorais sobre Ken Kennedy. Este era um combate de qualificação para o Survivor Series que punha Guerrero na equipa da SmackDown para o choque de Brand’s no tradicional combate de eliminação do Survivor Series.

Morte

No dia 13 de Novembro de 2005, Guerrero foi encontrado morto no seu quarto de hotel em Minneapolis, Minnesota, no Marriott City Center Hotel pelo seu sobrinho, Chavo Guerrero. Ele tinha 38 anos de idade. Horas mais tarde, a WWE.com publicaria o seguinte anúncio na sua página inicial:

“Estamos muito tristes com as recentes notícias de que Eddie Guerrero faleceu. Ele foi encontrado morto esta manhã no seu quarto de hotel em Minneapolis. Eddie deixou uma mulher (Vickie) e três filhas, Shaul (de 14 anos), Sherylin (de 9 anos) e Kaylie Marie (de 3 anos).”

No mesmo dia, a WWE fez uma conferência de imprensa com um discurso do seu sobrinho Chavo, que falou da sobriedade de Eddie, que faria quatro anos no dia 15 de Novembro de 2005. Chavo defendeu o seu tio, dizendo que este derrotou os seus “demónios pessoais”. O Presidente da WWE, Vince McMahon, recusou especular sobre as causas da morte de Eddie, e os dois homens disseram que Guerrero quereria “que o Show continuasse como era”.

Causa da morte

A autópsia ao corpo de Eddie Guerrero revelou que ele morrera devido a uma ataque cardíaco agudo, causado também em parte pelos grandes abusos que Eddie fazia dos esteróides anabólicos. Os seus excessos no passado com o álcool ou com drogas ilícitas contribuiriam para a sua falha cardíaca. No tempo da sua morte, ele tinha usado recentemente Painkillers narcóticos.

tags:
619 seguido de um Batista Bomb seguido de um cover de bruno-wwe às 21:29
Link do Post | Comentar | Adicionar aos Favoritos

Participar

Participe Neste Blog

Menu

Home
Notícias
TV Shows
Raw
SmackDown
ECW
Pay-Per-View
Inside
Campeões
Superstars
Power 25
Biografias
Info Wrestling
Downloads
Animações
Cartazes Musicais
Antes de Eles Serem Estrelas
Chibis
Puzzles

Contador e Horas

Free Web Site Counter
Free Web Site Counter

Mais Sobre Mim

Publicações

Resultados da ECW - 25/09...

Resultados da Raw - 24/09...

Resultados da SmackDown -...

Resultados da ECW - 18/09...

Resultados da Raw - 17/09...

Campeões

Resultados do Unforgiven ...

Resultados da SmackDown -...

Resultados da ECW - 11/09...

Resultados da Raw - 10/09...

Publicações Mais Antigas

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Setembro 2006

Links

Cbox


Perguntas

Qual a Brand que mais preferes?
SmackDown
Raw
TNA
ECW
  
pollcode.com free polls
Qual e que axas que e a Diva mais sexy da WWE
Ashley
Candice Michelle
Jillian Hall
Kelly Kelly
Kristal
Layla El
Lilian Garcia
Maria
Melina
Michelle McCool
Mickie James
Rebecca
Torrie Wilson
Victoria
  
pollcode.com free polls
Qual axas que era o resultado entre The Great Khali vs. Umaga?
Ganhava: The Great Khali
Ganhava: Umaga
Empate
  
pollcode.com free polls

Forum

online